Início » Relacionamentos e sentimentos » Você sabe o que é autocuidado?

Relacionamentos e sentimentos

Você sabe o que é autocuidado?

29 de outubro de 2020 | Por: Redatora E aí, rolou?

Quando se fala em autocuidado, as pessoas pensam logo em cuidados com a pele e com a beleza. Mas o autocuidado vai muito além disso. Não que os cuidados com o físico não faça parte, afinal de contas, se sentir bem com a própria aparência melhora a autoestima. Autocuidado tem a ver, principalmente com amor próprio.

Este conteúdo está aqui para ajudá-la a cuidar melhor de si. Confira abaixo algumas dicas de autocuidado para pôr em prática hoje mesmo!

Como ter autocuidado?

Livre-se da culpa

Uma das coisas que mais nos apavora e nos incomoda é o sentimento de culpa e ele está em todos os lugares. 

Por exemplo, ele pode aparecer no trabalho ou na escola, quando você toma uma atitude ou comete um erro que prejudica seus colegas de alguma forma, mesmo que não tivesse como prever esse erro. Pode aparecer em casa, nas relações familiares. 

Pode aparecer também nos relacionamentos amorosos, quando uma das partes sente-se culpada pelo fato de as coisas não terem dado certo ou por causa das brigas e confusões constantes.

Você precisa reavaliar esse sentimento de uma forma mais racional. Será mesmo que a culpa é apenas sua? Aliás, será mesmo que existem “culpados”? Será que o seu relacionamento não seria melhor se o outro fosse uma pessoa melhor, mais compreensiva, que te apoiasse mais? 

Reavaliar o sentimento de culpa é mais do que necessário. Quando ele toma conta, pode nos esmagar e nos deixar sempre angustiadas. E que melhoria isso pode nos trazer? Nenhuma! Então, livre-se da culpa!

Pratique exercícios físicos

Como dissemos no início deste conteúdo, os cuidados com a aparência física também precisam ser levados em consideração. Os cuidados com o corpo também refletem o seu amor próprio.

Antigamente, muita gente torcia o nariz quando o assunto era fazer atividade física porque logo essa tarefa era associada com a musculação. Mas hoje em dia a coisa é bem diferente!

Afinal de contas, você pode usar o próprio peso do corpo para fazer exercícios, inclusive em casa com a ajuda de itens que possui no seu local de moradia. Pode fazer Crossfit, uma corrida ou caminhada natação e muitos outros. 

O nosso corpo foi feito para se movimentar. Mesmo quando há algum problema muscular ou algum tipo de lesão, uma das formas de tratamento é com fisioterapia, ou seja, com movimento. 

A prática da atividade física consegue oferecer inúmeros benefícios como:

aumento da resistência muscular;

reduz a ansiedade e ajuda no tratamento da depressão;

ajuda no tratamento da insônia;

produz hormônios do bem-estar como a serotonina.

Cuide da sua alimentação

Os cuidados também devem ser feitos de dentro para fora, afinal de contas, somos o que comemos e essa é uma das frases mais verdadeiras.

  
  

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba conteúdos exclusivos

Comer coisas saudáveis é também uma forma de autocuidado e de amor próprio. Pense bem, quando você está comendo salgadinhos e tomando refrigerantes, você sabe que está colocando um monte de conservantes, alimentos ácidos e que o metabolismo desses alimentos vai liberar uma grande quantidade de radicais livres na corrente sanguínea. Estes, por sua vez, promovem o envelhecimento celular e o desenvolvimento de doenças.

É claro que você não precisa abrir mão de tudo. Comer uma pizza com os amigos é sim uma ótima forma de autocuidado. A questão é aumentar a proporção do consumo de alimentos saudáveis em comparação a outros que prejudicam a sua saúde.

Faça terapia

Sócrates é um filósofo que viveu cerca de 400 anos a.C. e foi o autor da frase — que não poderia ser mais atual — “conhece te a ti mesmo”.

O autoconhecimento também tem a ver com o autocuidado. Afinal de contas, quando a gente se conhece, a gente passa a nos aceitar como somos em vez de brigarmos com o nosso verdadeiro eu. Passamos a nos adaptar melhor à rotina e tudo isso gera um conjunto de bons resultados para os nossos esforços.

A terapia é um dos instrumentos que temos para isso. Ela nos ajuda a remover as camadas do subconsciente e alcançar os locais mais adormecidos da nossa mente. Passamos a entender melhor o motivo de determinados comportamentos e, quando ocorre esse entendimento, fica mais fácil melhorar como pessoa e se sentir mais em paz consigo.

Arrume a bagunça

Estar em um ambiente desorganizado e sujo é o mesmo que dizer que você não se importa em se colocar num lugar como esse. Ainda que seja sua responsabilidade cuidar da limpeza tente, ao menos, manter as coisas de forma mais organizadas.

Dê aquela faxina no guarda-roupa, nos armários e nas gavetas. Doe roupas e coisas que não usa mais e ajude outras pessoas. Você também pode fazer um tipo de brechó e ainda fazer uma grana extra com esses objetos.

Crie o hábito, por exemplo, de todos os dias arrumar a cama quando acordar, de quando chegar em casa, não deixar a roupa em cima da cama, mas sim, colocá-la para lavar. Manter tudo limpo aos poucos é mais fácil do que “tirar” um tempo para arrumar toda a bagunça.

Cuide da sua higiene

Cuidar bem a própria higiene também uma ótima forma de autocuidado. Nós tendemos a nos sentir melhor sobre nós mesmas quando estamos limpinhas, cheirosas e saudáveis. 

Cuidar da higiene bucal, deixar as roupas sempre limpas e perfumadas, usar desodorante, manter as unhas limpas (inclusive as dos pés), tirar um tempinho para tomar um banho bem gostoso e terapêutico, são algumas coisinhas que parecem simples, mas a gente garante que fazem toda a diferença no dia a dia! 

Respeite os seus limites

Você já disse sim quando, na verdade, queria dizer não e depois se arrependeu? Mas, mesmo depois disso, voltou a dizer sim querendo dizer não? Já foi a um lugar que não queria de jeito nenhum só para agradar outra pessoa?

Isso não nos faz bem de jeito algum e precisamos aprender a estabelecer os nossos próprios limites. Se não fizermos isso, não podemos esperar que os outros façam por nós. É preciso determinar que as pessoas podem ir até o determinado ponto com você. Dali em diante, você precisa ser firme com seus próprios desejos e vontades para manter a sua saúde mental.

Manter um autocuidado é de grande importância para as nossas vidas. Sem ele o dia a dia pode ficar quase insuportável, sem contar em grandes problemas que tendem a surgir no longo prazo. Por isso, comece hoje mesmo a mudar os seus hábitos, comece com mudanças pequenas. Com o tempo você vai percebendo o quanto elas te fazem bem e vai querer fazer mudanças ainda maiores.

E aí, gostou desse conteúdo? Compartilhe este conteúdo com suas amigas e mostre a elas o quanto o autocuidado é importante na vida de cada pessoa!

E não deixe de nos seguir nas redes sociais: 

  
  

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba conteúdos exclusivos

Gostou? Compartilhe!

Gostou? Compartilhe!

Por: Redatora E aí, rolou?


Deixe seu comentário